Bolo Souza Leão

    Bolo Souza Leão

    10pessoas já guardaram
    3horas10mins


    5 pessoas fizeram essa receita

    Sobre a receita: Famoso e tradicional, traz o nome da família em que nasceu, em Pernambuco. Há variações na quantidade de ingredientes. Escolhi a mais simples, que resultou em um bolo delicioso. Esta receita é dedicada, com muito amor, à minha filha.

    São Paulo, Brasil

    Ingredientes
    Rende: 1 bolo

    • Manteiga para untar
    • 1 k de açúcar
    • 2 xícaras de água fria
    • 2 xícaras de manteiga
    • 1 colher (chá) de sal
    • 1 kg de massa de mandioca
    • 16 gemas
    • 3 xícaras de leite de coco
    • 3 paus de canela
    • 1 colher (chá) de cravo em pó
    • 1 colher (chá) de sementes de erva-doce

    Modo de preparo
    Preparo:2horas  ›  Cozimento: 1hora10mins  ›  Pronto em:3horas10mins 

    1. Aqueça o forno em temperatura alta (220ºC).
    2. Unte com manteiga uma forma alta, de aproximadamente 27 cm.
    3. Coloque o açúcar e a água numa panela, misture e leve ao fogo alto, mexendo sempre, até o açúcar se dissolver e e a calda começar a ferver.
    4. Tire do fogo, junte a manteiga e o sal , misture e deixe esfriar.
    5. Numa tigela, coloque a massa de mandioca e alternadamente, junte as gemas uma a uma e o leite de coco, amassando bem.
    6. Acrescente a calda fria e misture. Coe três vezes em uma peneira fina e adicione a canela, o cravo e a erva-doce.
    7. Despeje a massa na forma e leve ao forno preaquecido. Asse em banho-maria por 50 minutos ou até ficar dourado.
    8. Tire do forno e espere esfriar um pouco antes de desenformar e colocar num prato.

    Faça com antecedência

    A massa de mandioca deve ser feita com antecedência. Coloca-se a mandioca descascada de molho em água por vários dias, até fermentar e perder seu veneno que é muito tóxico. É escorrida e enrolada em uma pano fino, fazendo uma trouxa bem fechada. Lave bastante em água corrente, esfregando bem. Esprema bem e seque ao sol. Passe numa peneira.

    Outras idéias

    A massa de mandioca é chamada de carimã, no Nordeste. Tem origem na culinária indígena e substitui a farinha de trigo. É de fácil digestão, pois já foi pré-digerida pelas bactérias, no processo de fermentação. A água resultante dessa fermentação não deve ser despejada em rios, pois é extremamente tóxica e poluente.

    Dicas para receitas sem glúten

    Confira aqui nossos artigos com dicas preciosas para fazer bolos, pães e biscoitos sem glúten com sucesso!

    Histórico

    Avaliações (0)

    Escreva sua avaliação

    Dê sua nota com estrelas